A ação é superior a qualquer conceito


Publicado em: 26 de March de 2017

Categorias:Artigos



A ação é superior a qualquer conceito

Vamos supor que:

Diante de você surge uma pessoa, ela está faminta e sem as possibilidades que você tem no momento e lhe solicita algo para comer.

Sem questionar, você abre seu coração, prepara e lhe serve uma refeição.

E nesta natural irmandade humana na qual vivemos (bem ou mal), este irmão faminto em gratidão, recebe e sacia a fome de seu corpo com o alimento que você ofertou e sacia a fome de seu coração com a sua gentileza.

Quem mais ajuda quem nesta situação? Você recebe o grato sorriso daquele que recebe o alimento do corpo e este lhe dá a oportunidade para que você seja um melhor ser humano ao compartilhar o que tem e assim você, recebe o alimento do espirito.

E mais.
Neste instante, para aquele que recebe o abençoado prato de alimento e acaba com o sofrimento da fome, mesmo que seja apenas por agora; será que é importante, o seu nome, sua raça, sua crença, seu Deus, sua profissão, quanto dinheiro você tem, o seu poder no mundo, ou para qual time você torce?

Ou será que; O que importa para este irmão faminto, é que você abriu o seu coração (e seu bolso) e compartilhou? Perceba que o Amor e a Sabedoria são inerentes e universais para qualquer ser humano diante de qualquer ser humano que se encontre em uma situação de dificuldade. E esta capacidade de amar e de compartilhar, não são propriedades de qualquer cultura, religião, filosofia ou povo. O Amor e a Sabedoria não são propriedades, mas sim estados naturais do ser humano que se encontra com a mente pacífica.

Apenas o momento presente tem valor para ambos.

A atenção eficiente em qualquer ação possível, transcende qualquer expressão do ego. O ego sempre classifica as pessoas dando maior ou menor valor uma as outras. O medo, desejo e a dúvida de si mesmo, apenas nos fazem sentir diferentes do outro, mantendo a individualidade e fortalecendo a cultura do egoismo.

Você apenas é o que você realmente << É >> no momento presente e isto quando deixa de perceber-se sendo alguém diferente de todos. E ama sendo o Amor, quando serve um prato de comida ou recebe um prato de comida (reta ação mutua) sem distinção dos papeis no mundo. A vida que constantemente nos apresenta ciclicamente os estados de prosperidade e de dor; que nos conduz de integração com a realidade.

A vida nos oferece contínuas oportunidades para transcendermos nosso egoismo e nossa individualidade.

Mas, mesmo através do egoísmo, não devemos de deixar de dividir um pouco do muito que temos. A vida tem que ser cuidada e preservada acima de tudo, acima de qualquer diferença ou situação. Não somos os justiceiros de Deus, mas podemos ser a própria expressão de Deus ao cuidarmos do outro – semelhante e assim compartilhar.

Como faríamos se nos encontrássemos em papeis invertidos?

Então, sim é possível desaparecer na ação. Não olhe para quem você dá o prato de alimento e nem para si mesmo ao dar, se entregue na ação. Diante de você está um ser humano que representa neste instante a fome da humanidade no mundo, e você pode neste “nano-segundo cósmico”, pode saciar esta fome, que em realidade também é sua, pois somos em unicidade a expressão da própria humanidade.

Você está olhando para a sua fome. Fome de que?

Medite na ação diária em compartilhar a si mesmo e tudo mais.
Eloi Campos

Artigos Recentes


×

RECEBA MATERIAIS EXCLUSIVOS NO WHATSAPP


LIDERANÇA MEDITAÇÃO AVANÇADA MEDITAÇÃO PARA INICIANTES



ENTRE EM CONTATO


SIGA-NOS


PARTICIPE DOS GRUPOS

LOCALIZAÇÃO




Mindfulness Advaita - Todos os direitos reservados


Designed by - Zafre Web & Social Media