A mente executiva eficiente não reage no automático e assim renova-se constantemente.


Publicado em: 27 de October de 2017

Categorias:Artigos



A mente executiva eficiente não reage no automático e assim renova-se constantemente.

Diariamente encontramos a agenda cada vez mais curta, pressionados por metas, prazos, pressões internas e externas, prioridades e ausência do desejado resultado. Assim sacrificamos a vida como se fossemos eternos.

Todos sabem do stress vivido e gerado, mas, será que temos a real clareza da fonte de stress e dos tipos de stress? Nem todos fazem uma gestão eficiente do próprio stress, muitos já estão até viciados em stress, pois não sabem mais sequer ter um final de semana em paz com a família e muito menos sabem tirar as merecidas férias. Imagine quando se aposentar.

O discurso consciente do líder inconsciente é o de manter o contínuo esforço para a busca de resultados – sem questionar se o resultado é válido a qualquer preço, se as possibilidades são reais ou se a estratégia é a correta.

Mas, inconscientemente este líder pode estar mascarando apenas o vício de viver estressado e em conflitos constantes – interno e externo. Sua auto- importância <<autoimagem equivocada e inflada>> – está embasada na manutenção de situações de stress em si mesmo, no outro, no meio e na família. O stress já faz parte de sua identidade, uma simbiose de existência interna onde o hospedeiro – stress – vai matando pouco a pouco o hospede – pessoa. Na verdade temos uma pessoa precisando de socorro.

O resultado deste quadro infeliz de autodestruição nós todos já conhecemos. Surge a psicossomatização de patologias mentais e emocionais, surge a vulnerabilidade para as tendências negativas e a predisposição a vícios, ocorre a degeneração da capacitação profissional e dos valores pessoais e a degradação da família, catástrofe premeditada, consciente ou não.

Lembremos que não existem vítimas na vida, apenas cúmplices.

O ideal é antever e impossibilitar este caminho de falência da carreira e da própria vida, e consequentemente da empresa e da sociedade. Isto se faz por uma reeducação emocional através do aprimoramento da atenção eficiente de si mesmo, do meio e do outro. Ou seja, do aprimoramento das relações – intrapessoal e interpessoal. Na prevenção todos ganham.

O autoconhecimento e a responsabilidade diante da realidade estão unidos em um pragmatismo inteligente, para a busca de novas soluções e para a renovação das estratégias na consolidação dos resultados alinhados ao bem comum.

Mas também o autoconhecimento pode auxiliar ao profissional/pessoa a sair de qualquer fase em que se encontre nesta queda livre do descontrole interno diante das dificuldades. A primeira dificuldade será olhar par si mesmo sem perder a dignidade e sem fugir da realidade.

Será a partir da realidade do momento presente que poderemos sair em novos rumos. Negar a situação apenas piora o quadro geral, pois sem uma atitude eficiente e sem a correta compreensão da própria realidade, tudo apenas vai se agravar. Não é fácil reequilibrar o hábito negativo e nem será rápido, mas é possível sim, renovar a vida e construir uma nova realidade de prosperidade espiritual, mental, emocional e material.

Mindfulness Advaita – somos a eficiência que você precisa
Medite
Eloi

Artigos Recentes


×

RECEBA MATERIAIS EXCLUSIVOS NO WHATSAPP


LIDERANÇA MEDITAÇÃO AVANÇADA MEDITAÇÃO PARA INICIANTES



ENTRE EM CONTATO


SIGA-NOS


PARTICIPE DOS GRUPOS

LOCALIZAÇÃO




Mindfulness Advaita - Todos os direitos reservados


Designed by - Zafre Web & Social Media